CIDADE E MEMÓRIA : "cidades invisíveis"

Autores

  • Francisco Alcides do Nascimento Universidade Federal do Piauá­/Núcleo de História Oral

DOI:

https://doi.org/10.18817/ot.v3i3.403

Palavras-chave:

Cidade, Memória, lugar, Teresina,

Resumo

Como pesquisador da Universidade Federal do Piauí, titular do grupo de pesquisa do CNPq Cidade, tempo e espaço e coordenador do Núcleo de História Oral da UFPI tenho desenvolvido, nos últimos dez anos, pesquisas que agrupam temáticas relacionadas à cidade de Teresina de modo particular e à cidade de modo geral, bem como orientado alunos da graduação e pós-graduação que têm a cidade como tema de seus trabalhos. Discutindo cidade tenho lançado mão da metodologia da História Oral, construindo fontes, uma vez que essa metodologia permite ampliar o leque de informações, colocando para dentro da história atores sociais que foram esquecidos ou silenciados no processo de modernização das cidades. Este artigo dialoga com as cidades que estão nas memórias de nossos entrevistados, cidades com temporalidades e espaços bem definidos. Na construção desta narrativa histórica nos apoiamos nas discussões sobre a relação entre história e memória que a historiografia brasileira realizou nos últimos anos, bem como as discussões sobre cidade. O resultado desta mistura é uma cidade que faz parte do mundo imaterial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-01-10

Como Citar

Nascimento, F. A. do. (2006). CIDADE E MEMÓRIA : "cidades invisíveis". Outros Tempos: Pesquisa Em Foco - História, 3(3). https://doi.org/10.18817/ot.v3i3.403