SESMARIAS, OCUPAÇÃO E CONFLITOS DE TERRA NOS SERTÕES DO MARANHÃO E PIAUÍ COLONIAL (SÉCULOS XVII E XVIII)

Autores

  • SAMIR LOLA ROLAND Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Palavras-chave:

Ocupação, Sesmarias, Conflitos de terras

Resumo

Resumo: Este artigo analisa a concessão de sesmarias e os conflitos fundiários entre sesmeiros e posseiros que ocorreram na parte oriental do Maranhão e no Piauí desde o final do século XVII e prolongaram-se até o final do governo de Francisco Xavier de Mendonça Furtado (1751-1759). Esse processo representou uma preocupação constante da Coroa portuguesa com o controle político e administrativo da ocupação e do povoamento na região. As ações e decisões da Coroa, governadores e autoridades régias – como ouvidores e provedores –, tiveram como objetivo principal o ordenamento da ocupação e do povoamento, com várias tentativas de regulamento dos conflitos que envolveram indígenas, moradores, senhorios e religiosos na região.

Palavras-chave: Ocupação. Sesmarias. Conflitos de terras. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

SAMIR LOLA ROLAND, Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Doutorando em História e Conexões Atlânticas / Universidade Federal do Maranhão
Professor da Rede Municipal de Pinheiro
Pinheiro, Maranhão, Brasil

Downloads

Publicado

2021-02-18