SOBERANIA NACIONAL EM RISCO: uma crá­tica de Belisário Penna á  ação da fundação Rockefeller no Brasil (1923)

Autores

  • LEONARDO DALLACQUA DE CARVALHO Doutorando em História das Ciências e da Saúde na Casa de Oswaldo Cruz, FIOCRUZ - RJ.

DOI:

https://doi.org/10.18817/ot.v14i24.589

Palavras-chave:

Belisário Penna. Raul Leitão da Cunha. Fundação Rockefeller.

Resumo

 

Trata-se de uma crá­tica elaborada por Belisário Penna a respeito da atuação da Fundação Rockefeller enquanto interventora nas questões de Saúde Pública do Brasil, mais precisamente no combate á  febre amarela, no ano de 1923. O objetivo da presente investigação é demonstrar como Penna enumerou os problemas de tal intervencionismo para seu interlocutor, o médico e polá­tico Raul Leitão da Cunha, na tentativa de convencê-lo dos perigos da cooperação da filantropia estadunidense tanto numa perspectiva nacionalista como de disputa de técnicas cientá­ficas de combate á  febre amarela.


Palavras-chave: Belisário Penna. Raul Leitão da Cunha. Fundação Rockefeller.


NATIONAL SOVEREIGNTY AT RISK:  a critique of Belisário Penna to the action of the Rockefeller Foundation in Brazil (1923)  

Abstract: This is a critique developed by Belisário Penna regarding the role of the Rockefeller Foundation as an intervener in the issues of Public Health in Brazil, specifically, the fight against yellow fever in the year 1923. The objective of this present investigation is to demonstrate how Penna listed the problems of such interventionism to his interlocutor, a doctor and politician, Raul Leitão da Cunha, in an attempt to convince him of the dangers of USA”™s philanthropic cooperation, both as nationalist perspective and as disputed scientific techniques to combat yellow fever.

Keywords: Belisário Penna. Raul Leitão da Cunha. Rockefeller Foundation.

 


SOBERANáA NACIONAL EN RIESGO:  una crá­tica de Belisário Penna a la acción de la fundación Rockefeller en Brasil (1923)  

Resumen: Se trata de una crá­tica elaborada por Belisário Penna acerca de la actuación de la Fundación Rockefeller como interventora en las cuestiones de Salud Pública de Brasil, más precisamente en el combate a la fiebre amarilla, en el año 1923. El objetivo de la presente investigación es demostrar como Penna enumeró los problemas de tal intervencionismo para su interlocutor, el médico y polá­tico Raul Leitão da Cunha, en el intento de convencerlo de los peligros de la cooperación de la filantropá­a estadounidense tanto en una perspectiva nacionalista como de disputa de técnicas cientá­ficas de combate a la fiebre amarilla.

Palabras clave: Belisário Penna. Raul Leitão da Cunha. Fundación Rockefeller.

Biografia do Autor

LEONARDO DALLACQUA DE CARVALHO, Doutorando em História das Ciências e da Saúde na Casa de Oswaldo Cruz, FIOCRUZ - RJ.

Doutorando em História das Ciências e da Saúde na Casa de Oswaldo Cruz, FIOCRUZ - RJ.

Downloads

Publicado

2017-12-21