O PARTIDO CONSERVADOR NA PROVÍNCIA DOPARANÁ: composição social, conflitos internos e transição de comando político em dois diretórios partidários (Curitiba e Paranaguá, 1876-1879)

Autores

  • SANDRO ARAMIS RICHTER GOMES Universidade Federal do Paraná.

DOI:

https://doi.org/10.18817/ot.v13i21.505

Palavras-chave:

Diretórios partidários. Divergências polá­ticas. Lideranças regionais.

Resumo

Resumo: Neste  artigo  é  empreendida  uma  abordagem  acerca  da  estrutura  interna  do  Partido Conservador  do  Paraná,  no  recorte  temporal  que  abarca  os  anos  de  1876  e  1879. Compete  salientar que  as  notícias  publicadas  pelo  jornal O  Paranaense concentram  informações  sobre as  divergências políticas  que,  à  época,  existiam  entre  os  diretórios  conservadores  de  Curitiba,  situada  no primeiro planalto  da  província,  e  de  Paranaguá,  localizada  no  litoral. Primeiramente,  são  analisadas  as diferenças  concernentes  à  hierarquização  dos diretórios  da  capital  e  do  litoral.  Demonstra-se  que  o diretório  de  Curitiba  era  mais  propenso  a  incorporar  e  a  conferir  posições  de  liderança  a  indivíduos não  originários  do  Paraná. Em  seguida,  será  evidenciado  que  o  diretório  de  Paranaguá  era  mais refratário  a  tal  absorção. Nesse  município,  o  controle  dos  esquemas  partidários  era  gerido  pelos negociantes ervateiros e pelos seus descendentes que possuíam formação jurídica.

Palavras-chave: Diretórios partidários. Divergências políticas. Lideranças regionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

SANDRO ARAMIS RICHTER GOMES, Universidade Federal do Paraná.

Doutorando em História pela Universidade Federal do Paraná e bolsista da Capes. É graduado (2009) e mestre (2012) em História pela Universidade Federal do Paraná. Desenvolve estudos sobre as trajetórias polá­ticas de membros da elite social da Prová­ncia do Paraná. Participou da organização do livro Antônio Vieira dos Santos: reminiscências e outros escritos (Editora da Universidade Federal do Paraná, 2014). Em conjunto com André Cavazzani, coordenou a reedição do livro Memória Histórica da Vila de Morretes, de Antônio Vieira dos Santos. Esse livro será publicado pela Editora da Universidade Federal do Paraná em 2016.

Downloads

Publicado

2016-06-30