UMA HISTÓRIA POSITIVA DA DITADURA: a narrativa dos militares sobre os ”anos da revolução”

Autores

  • EDUARDO DOS SANTOS CHAVES Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.18817/ot.v11i17.328

Palavras-chave:

Memórias. Ditadura Civil-militar. História Oral.

Resumo

A proposta do artigo é examinar a coleção de entrevistas intitulada ”1964 ”“ 31 de março: o movimento revolucionário e a sua história”, publicada pela Editora da Biblioteca do Exército, a Bibliex, entre 2003 e 2004, verificando duas questões gerais: 1) como se deu a narrativa em relação ao golpe e a ditadura civil-militar iniciada em março de 1964; e 2) como essa mesma narrativa foi sendo construá­da pela coleção a partir da elaboração das entrevistas, em que entrevistadores e entrevistados em sintonia elaboraram um parecer positivo sobre o passado recente do Brasil.

Palavras-chave: Memórias. Ditadura Civil-militar. História Oral.

 

POSITIVE STORY OF DICTATORSHIP: the narrative of the military over the "year of revolution"

Abstract: The purpose of this article is to examine the collection of interviews entitled "1964 - March 31: the revolutionary movement and its history", published by Editora Library Army, the Bibliex between 2003 and 2004, checking two general questions: 1) how took the story about the coup and civil-military dictatorship that began in March 1964, and 2) how this same narrative was constructed by drawing from the collection of interviews in which interviewers and interviewees in tune produced a positive opinion the recent past of Brazil.

Keywords: Memories. Civil-military dictatorship. Oral History.

 

HISTORIA POSITIVO DE LA DICTADURA: la narrativa de los militares sobre el "año de la revolución"

Resumen: Este articulo se propone examinar la colección de entrevistas intitulada " 1964- 31 de marzo: el movimiento revolucionario y su historia", publicada por editora de la biblioteca del ejercito, bibliex, entre 2003 y 2004, observando dos cuestiones generales: 1. Cómo se dio la narrativa referente al golpe y su dictadura civil-militar iniciada en marzo de 1964; 2. Cómo esa misma narrativa fue construida por la colección a partir de la elaboración de las entrevistas, qué entrevistadores y entrevistados construyeron un parecer positivo sobre el pasado reciente de Brasil.

Palabras clave: Memorias. Dictadura civil-militar. Historia oral.

 

Biografia do Autor

EDUARDO DOS SANTOS CHAVES, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

 

Doutorando pelo Programa de Pós Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGH-UFRGS).

 

Downloads

Publicado

2014-07-31